Estradas: 32 pessoas mortas nas estradas mineiras. Duas mortes na BR 116 no Natal

Natal-trágico-116-02 Natal-trágico-116-08 Natal-trágico-116-06 Natal-trágico-116-03O  cansaço de um motorista é apontado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) como a causa de um acidente com dois mortos na BR-116, em Laranjal. O condutor seguia pela rodovia, na manhã desta quinta-feira, quando invadiu a pista contrária e bateu de frente com outro carro. Outras quatro pessoas ficaram feridas.

Levantamento feito pelo Estado de Minas indica que pelo menos 32 pessoas já perderam a vida nas estradas mineiras desde a última sexta-feira.

A batida aconteceu por volta das 9h20. Um Corsa, com placas de São Paulo, seguia de Teófilo Otoni para a capital paulista. Quando passava pelo km 734, o veículo invadiu a contramão em uma pequena curva e atingiu de frente um Fiat Uno. Com o impacto, os dois veículos foram arremessados para fora da pista. O Corsa ainda caiu em uma ribanceira.

Em ambos os veículos estavam três pessoas. No Uno, o motorista e a passageira, que seguia no banco de trás, morreram na hora. Um homem que estava no banco da frente ficou gravemente ferido. No Corsa, o condutor, de 30 anos, ficou preso às ferragens, e ficou gravemente ferido. Os outros dois ocupantes também tiveram ferimentos. Todas as vítimas foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhados para o Hospital São Paulo, em Muriaé.

As causas do acidente ainda são desconhecidas, porém, o cansaço do condutor do Corsa é a causa mais provável. “O motorista saiu as duas horas da manhã de Teófilo Otoni sem ter dormido. Provavelmente, cochilou ao volante, pois no local onde aconteceu a batida, não tem motivo algum para invadir a pista contrária”, explica o policial rodoviário federal João Eduardo Ornelas.

Com informações do Portal Click Carangola – parceiro Manhuaçu News – contato@manhuacunews.com.br

Compartilhe

PinIt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.