BH: Secretário de Agricultura participa de audiência pública na ALMG

flanio-bh flaniobh2
<
>

O secretário de Agricultura, Flânio Alves, esteve em Belo Horizonte na última semana e participou de audiência pública na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Ele reforçou os avanços dos negócios envolvendo o homem do campo dentro da atual administração da prefeita Cici Magalhães.

Com a ajuda de slides, Flânio discursou por pelo menos 10 minutos e levou as experiências positivas no incentivo à agricultura familiar. Ele citou, entre os avanços, a criação do Serviço de Inspeção Municipal e do Programa de Aquisição de Alimentos Municipal (PAA), além da implantação de agroindústria.

“Hoje, além da destinação de parte da produção local para a merenda escolar, prevista em programa federal, a cooperativa local tem negócios em outras localidades. Há, por exemplo, venda de café para a Prefeitura de Belo Horizonte”, disse Flânio durante a audiência pública.

AUDIÊNCIA PÚBLICA

A revisão da legislação sanitária, visando permitir o aproveitamento de mais alimentos e a redução do desperdício, foi uma das reivindicações da Rede Leste de Banco de Alimentos (Relba), em audiência realizada nesta quarta-feira (18), na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

A reunião das Comissões de Assuntos Municipais e Regionalização e de Agropecuária e Agroindústria foi realizada, justamente, para conhecer a atuação da Relba e difundir esse modelo para o Estado, conforme destacou a deputada Rosângela Reis (Podemos), autora do requerimento para a audiência.

A Relba foi fundada em 2014 com três cidades. Hoje tem 26 municípios reconhecidos pelo Estado e outros 12 agregados nas regiões do Rio Doce e Metropolitana do Vale do Aço. Além do apoio à agricultura familiar na comercialização da produção e do trabalho em prol do desenvolvimento regional, a rede distribui o excedente para famílias de baixa renda.

Informações SCS – Prefeitura de Manhuaçu e Assessoria de Imprensa ALMG

Compartilhe

PinIt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.