Mais oito bens são inventariados como Patrimônio Cultural de Manhuaçu

patrimonio-igrejarealeza patrimonio-igrejasaopedrodoavai patrimonio-momentocafeicultor patrimonio-praçacordovil patrimonio-praçacordovil2 patrimonio-caminhadaboavista patrimonio-altarimaculada patrimonio-banda11bpm1 patrimonio-banda11bpm2 viasacra
<
>

Em nova iniciativa visando a conservação da memória do município, a Prefeitura de Manhuaçu, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, realizou novos inventários para que mais oito bens sejam reconhecidos como patrimônios culturais junto ao IEPHA. São eles bens materiais e imateriais: a Banda de Música do 11º BPM, Caminhada da Santa Cruz (Bem Posta/ Boa Vista), Igreja de São Pedro do Avaí, Igreja Imaculada Conceição/ Realeza, Praça Cordovil Pinto Coelho, Monumento ao Cafeicultor, retábulo (altar) de madeira da Igreja Imaculada Conceição (B. Coqueiro) e a Via-Sacra Africana de Fabrício Santos.

O Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais analisará os pedidos, e, se aprovados, serão submetidos ao CONEP (Conselho Estadual de Patrimônio Cultural) para decisão final.

O patrimônio cultural protegido diz respeito aos bens culturais, materiais ou imateriais, que, em função de seu valor histórico, artístico, estético, afetivo, simbólico, dentre outros, recebem algum tipo de proteção pelo poder público, tal o como tombamento, o registro imaterial, o inventário ou outras formas de acautelamento previstas na legislação.

A Secretária M. de Cultura e Turismo, Gena Clara, destaca que este trabalho de reconhecimento do patrimônio cultural em Manhuaçu tem sido feito com muita dedicação pela equipe. ‘Com a atenção total da Prefeita, estamos conseguindo realizar intenso trabalho de levantamento e pesquisa para a identificação de imóveis e bens que podem e devem ser considerados como patrimônio cultural, além do tombamento. A sociedade tem abraçado a causa, contribuindo para a preservação arquitetônica de edificações que integram a identidade visual do município. Além disto, estes esforços possibilitarão ao público das demais cidades conhecer um pouco da história de Manhuaçu, fortalecendo nosso turismo, e a conscientização da população sobre a importância preservação’, comentou.

(Informações SCS – Prefeitura de Manhuaçu – Fotos: Acervo do Inventário do Patrimônio Cultural)

Compartilhe

PinIt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload the CAPTCHA.