Manhuaçu: Mulher alega seqüestro e cárcere privado

Na madrugada de sábado, a polícia Militar de Santa Margarida/MG, trouxe daquela cidade a vítima, uma mulher de 22 anos, moradora da Ponte da Aldeia, que alega ter sido seqüestrada e mantida em cárcere privado, naquela cidade.

Segundo ela, quando se deslocava a pé para a Ponte da Aldeia, um homem conhecido lhe deu carona numa motocicleta, mas não a deixou descer no local onde mora levando-a para Santa Margarida, onde foi obrigada a fazer sexo com ele.

Segundo a mulher, o homem ao receber a informação de que seu pai havia chamado a polícia saiu do local com ela, fugindo por uma estrada vicinal. Quando tentou se esconder da PM, com a diminuição da velocidade da motocicleta conseguiu fugir, pegou uma carona e foi localizada pelos policiais num posto de combustível.

O homem acusado dos crimes não foi localizado.

Luiz Nascimento, com informações da PM – [email protected]

Compartilhe

PinIt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *